Fábricas clandestinas de produtos derivados do mel de abelha causa preocupação para os orgãos de saúde

|

Tem causado grande preocupação para as autoridades de saúde pública, o grande número de fábricas clandestinas de produtos medicinais derivados do mel e outros,  em atuação no município de Iguatu. O caso é grave. Em apenas uma semana, as polícias Civil e Militar, acompanhada por agentes da Vigilância Sanitária do estado e do município, conseguiram fechar três fábricas de produtos considerados irregulares,  produzidos sob as mais precárias condições de higiene.

No último dia 11,  na Rua Bevenuto Mendonça e bairro Chapadinha, as fiscalizações conseguiram apreender grande quantidade de produtos de origem duvidosa. Na Chapadinha, a situação foi mais grave ainda: dentro de um galpão foi apreendido um caminhão com a placa de Maracanaú, e na sua carroceria constava uma grande quantidade de derivados medicinais. Os orgãos fiscalizadores apreenderam todos os produtos, que ficaram à disposição da Vigilância Sanitária local. Nesta terça-feira, 16, após uma denúncia anônima a polícia localizou uma casa abandonada no distrito de José de Alencar, e lá constataram uma grande quantidade de produtos semelhantes aos apreendidos anteriormente.

Para não quebrar a rotina, durante a manhã desta quarta-feira, 17, a equipe comandada pelo delegado regional de polícia, Agenor Freitas de Queiroz, invadiu uma casa no bairro Altiplano, e lá identificaram vários equipamentos supermodernos, e que estariam sendo utilizados para a produção de vários produtos, considerados irregulares pelos orgãos de fiscalização sanitária.

Entre as várias marcas de produtos medicinais apreendidos estão  Plus Mel, Flora Pura, Flora Vida e Com Mel, entre outros. De acordo com a polícia os produtos não tem registro no Ministério da Saúde e nem na Anvisa. Até o presente momento nenhum responsável pela produção desses materiais foram presos.

Leia também

Comentários
0 Comentários

0 comentários for " Fábricas clandestinas de produtos derivados do mel de abelha causa preocupação para os orgãos de saúde "

Aviso aos internautas: Comentários anônimos não serão publicados.