POLICIAL

Capitão da PM é executado a bala no município de Quixadá

O capitão da reserva remunerada da PM Joaquim Soares Leite, de 64 anos, foi assassinado a tiros na manhã desta quarta-feira (12) dentro de uma mercearia na cidade de Quixadá, no sertão central do Estado.

O crime foi cometido por dois elementos que chegaram ao estabelecimento e anunciaram o roubo. O militar teria reagido e acabou ferido por um tiro na altura da nuca. A arma que Soares portava teria sido levada pelos suspeitos.

As Polícias Civil e Militar se mobilizaram e iniciaram buscas aos três supostos assaltantes. Um deles foi encontrado, no bairro Campo Velho. Ao avistar as patrulhas da PM, o rapaz tentou fugir pelos telhados das residências, mas acabou sendo baleado e detido. O suspeito foi encaminhado ao Hospital Microrregional Eudásio Barroso e morreu, em decorrência das lesões.

Os outros envolvidos na ação que culminou na morte do capitão, ainda estão sendo procurados. Joaquim Soares trabalhava no setor administrativo do 9ºBPM, na Guarda Patrimonial. Ele também chegou a ser socorrido, após o tiroteio, mas não resistiu a gravidade dos ferimentos e morreu na unidade de saúde local.  



   

Sobre Luiz Vasconcelos

0 comentários :

Postar um comentário

Tecnologia do Blogger.