NACIONAL

Ex-ministro Márcio Thomaz Bastos morre aos 79 anos

O advogado e ex-ministro da Justiça Márcio Thomaz Bastos, de 79 anos, morreu na manhã desta quinta-feira, 20. Ele foi internado na terça-feira, 18, no Hospital Sírio-Libanês em razão de uma complicação pulmonar.

Thomaz Bastos foi ministro entre 2003 e 2007, nos governos do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva. Também presidiu a OAB-SP entre os anos 1983 e 1985. O advogado criminalista atuou ainda em julgamentos como o do processo do mensalão, na defesa de réus ligados ao Banco Rural, e na acusação dos envolvidos na morte do ativista ambiental Chico Mendes. Atualmente ele era o coordenador da defesa de empreiteiras investigadas pela Operação Lava Jato, da Polícia Federal.

"São Paulo e o Brasil perderam um dos seus maiores advogados. Eu me recordo que, quando Márcio me contou que acabara de ser convidado pelo Lula para ser ministro da Justiça, eu disse a ele: 'O Brasil vai ter um grande advogado a defendê-lo'", disse o ex-ministro da Justiça José Carlos Dias, titular da pasta no governo Fernando Henrique Cardoso.

Thomaz Bastos nasceu em Cruzeiro, no interior de São Paulo, em 1935 e formou-se em direito pela Universidade de São Paulo (USP) em 1958. 



Sobre Luiz Vasconcelos

0 comentários :

Postar um comentário

Tecnologia do Blogger.