POLITICA

Ministro do STF critica manobra do governo para driblar regras fiscais

Um jantar na casa de Renan Calheiros anteontem à noite deve ter deixado Dilma Rousseff com as orelhas ardendo, revela Lauro Jardim, na Folha Online.

Em volta da mesa um time de senadores (Renan, Gim Argello, Eunício Oliveira, José Pimentel, Romero Jucá, José Sarney), uma ex-ministra polêmica (Marta Suplicy, agora de volta ao Senado) e um ministro do STF (Dias Toffoli).

Muitos criticaram Dilma (Marta bateu em Aloizio Mercadante em especial), mas o campeão da noite, de modo inconteste, foi Toffoli.

Atacou a manobra do governo para driblar as regras da política fiscal. Considera que, assim, o governo está explodindo com a Lei de Responsabilidade Fiscal. E, como consequência, os governos estaduais e os municípios seriam os próximos a conseguir alterações.




Sobre Luiz Vasconcelos

0 comentários :

Postar um comentário

Tecnologia do Blogger.