CIDADE

OPINIÃO: Trocando alhos por bugalhos


O ex-deputado Marcelo Sobreira (PROS) que também é ex-prefeito tampão de Iguatu e ex-secretário adjunto de saúde do Estado é um político esquisito. Afoito a entrevistas de rádio, Sobreira gosta de atacar seus adversários políticos, chamando-os de “perseguidores”.

Pois bem! Tem um ditado que diz que “macaco não olha para o próprio rabo”.

Quem conta bem a história é o ex-superintendente do Detran de Iguatu, Clidenor Teixeira, e Rui Gonçalves, ex-diretor do Semiliberdade, exonerados de seus referidos cargos durante a campanha eleitoral deste ano. Ambos acusam Marcelo Sobreira de ser o responsável pelo feitio.

Os dois se negaram a votar no candidato Camilo Santana (PT), e apoiaram Eunício Oliveira (PMDB), que perdeu a eleição.

Aliás, para concretizarem a vitória de Camilo Santana, os aliados do governo “fizeram o diabo” nessa eleição. Diretores de escolas, professores e outros funcionários do governo em Iguatu tiveram que ir as ruas pedir votos para o candidato do governo.

E ai de quem dissesse um não!



Sobre Luiz Vasconcelos

0 comentários :

Postar um comentário

Tecnologia do Blogger.