REGIONAL

Policial civil é morta a tiros em Fortaleza

A policial civil Maria Gorete de Oliveira, 51, foi morta, na manhã desta sexta-feira (12), na Avenida José Leon, no bairro Parque Manibura, em Fortaleza. A vítima estava em um automóvel indo ao trabalho, quando teria tentado fugir de um suposto assalto e acabou sendo baleada.

Após ser atingida, a policial ainda dirigiu por alguns metros, mas acabou colidindo com um restaurante no cruzamento da Av. José Leon com a Rua Yeda Pereira.

De acordo com as investigações, o assaltante que a abordou roubou um veículo Gol vermelho logo depois da ação e fugiu em direção à Av. Oliveira Paiva, onde o carro foi abandonado. O tiro, disparado contra o pára-brisa do Siena conduzido por Maria Gorete, atingiu o peito da policial, que não resistiu aos ferimentos e acabou morrendo no local. Outros três disparos foram encontrados no veículo que estava sendo conduzido por ela.

A movimentação de populares no local foi intensa após o crime. Viaturas da Polícia Civil e Militar estão em diligência na região em busca do suspeito do crime. O titular da Secretaria de Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS), secretário Delci Teixeira, e a delegada Socorro Portela, titular da Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), responsável pelo caso, estiveram no local do crime para prestar suporte às ações.

Maria Gorete era policial há quase 30 anos e estava lotada na Coordenadoria de Inteligência (Coin) da Secretaria de Segurança.


Sobre Luiz Vasconcelos

0 comentários :

Postar um comentário

Tecnologia do Blogger.