POLITICA

Dilma é hostilizada por brasileiros durante visita aos Estados Unidos

Uma falha na segurança permitiu que dois brasileiros - um deles Igor Gilly - se aproximasse da comitiva da presidente Dilma Rousseff, durante a visita dela à Universidade de Stanford, na Califórnia, nos Estados Unidos. A presidente estava ao lado de Condoleezza Rice, ex-secretária de Estado dos EUA, quando foi hostilizada.

O vídeo gravado por Igor Gilly mostra ele xingando a presidente, chamando-a de "assassina", "terrorista" e "ladra". Em uma rede social, a publicação já tinha alcançado, até a noite desta quinta-feira, cerca de 15 mil curtidas e mais de 31 mil compartilhamentos.




Sobre Luiz Vasconcelos

0 comentários :

Postar um comentário

Tecnologia do Blogger.