REGIONAL

Produção industrial recua 5,2% no Ceará


A produção industrial do Ceará recuou 5,2% em julho de 2015, em comparação com junho passado. O Estado registrou a segunda maior queda do País, ficando atrás apenas do Paraná, que teve recuo de 6,3%. É o que mostra o levantamento divulgado nesta quarta-feira (9), pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

A média nacional do índice foi de -1,5%.O Ceará eliminou parte do crescimento de 7% acumulado em maio e junho de 2015, enquanto que o Paraná interrompeu três meses de taxas positivas consecutivas, que acumularam expansão de 2,1%.

Santa Catarina (-2,4%) e São Paulo (-1,8%) também tiveram recuos mais intensos do que a média nacional (-1,5%), enquanto Amazonas (-1,5%), Espírito Santo (-1,4%), Minas Gerais (-1,3%) e Rio de Janeiro (-0,9%) completaram o conjunto de locais com índices negativos em julho de 2015.

Por outro lado, Rio Grande do Sul (6,8%) e Bahia (5,2%) assinalaram os avanços mais elevados, com o primeiro eliminando parte da perda de 7,3% acumulada entre abril e junho, e o segundo apontando dois meses consecutivos de expansão e acumulando no período ganho de 8,3%. Os demais resultados positivos foram na Região Nordeste (3,3%), em Pernambuco (3,3%), Goiás (0,6%) e Pará (0,4%).



Sobre Luiz Vasconcelos

0 comentários :

Postar um comentário

Tecnologia do Blogger.