CIDADE

Deputado Agenor Neto critica baixo investimento em saúde pública no Estado

O deputado Agenor Neto (PMDB) usou a tribuna da Assembleia Legislativa, nesta quinta-feira (12/11), para criticar a situação da saúde pública no Estado do Ceará. O parlamentar lembrou que, durante a campanha eleitoral, foi divulgado que o Estado tinha R$ 3 bilhões em reservas e que era detentor da melhor saúde pública do País. "Quando passou a eleição a gente constatou o desmoronamento daquela propaganda eleitoral que existiu para governador", disse.

O deputado criticou o contrato celebrado com o Instituto de Saúde e Gestão Hospitalar (ISGH) para administrar alguns hospitais da rede pública do Estado. "O ex-secretário da saúde Carlile Lavor deixou muito claro que, se tirasse essa empresa ISGH, nós teríamos uma economia em torno de R$ 150 milhões. E muitos dizem que por causa dessa declaração, o secretário acabou caindo", pontuou.

O parlamentar cobrou um posicionamento do Governo do Estado em relação à falta de recursos para investimentos nos hospitais polos do interior do Ceará. "O governador Camilo tem que vir a público e dizer que pegou o Estado quebrado, ou então ele está juntando dinheiro para investimentos apenas em 2016, ano de eleição. E enquanto isso as pessoas estão morrendo por falta de atendimento médico", disse.

Agenor Neto informou que vai propor uma emenda para que o Governo invista pelos menos, 18% no setor da saúde. "Os municípios tem a obrigação de investir 15%, mas estão investindo 30%", informou.


Sobre Luiz Vasconcelos

0 comentários :

Postar um comentário

Tecnologia do Blogger.