REGIONAL

Fiéis comemoram perdão da igreja a "Padim Ciço" com Romaria


O perdão da Igreja Católica ao padre Cícero Romão Batista, anunciado no último dia 13, foi comemorado com uma romaria neste domingo (21), em Juazeiro do Norte (CE). Ainda era noite quando a multidão de devotos se reunia na praça do Socorro para celebrar a reconciliação de Padim Ciço com a igreja.

Por volta das 4h30, sob forte chuva, era intensa a movimentação dos romeiros na igreja Mossa Senhora do Perpétuo Socorro, onde estão sepultados os restos mortais do religioso. 

Muitos fiéis que chegavam de ônibus, van e carros, vestiam roupas pretas para simbolizar o luto pela morte do padre Cícero, no dia 20 de julho de 1934, e a saudade que ele deixou, outros, incluindo os sacerdotes, usavam um chapéu de palha.

Diante do túmulo do religioso, devotos depositavam flores e faziam orações. do lado de fora, vendedores serviam café da manhã antes da missa campal, que começou às 6h.

O professor Eduardo Pereira, devoto do padre Cícero, saiu de ônibus de Serra de São Bento (RN), juntamente com 51 pessoas, para participar do momento, que ele considera histórico. "Estava desanimado para vir a essa última romaria, mas quando soube do perdão da igreja fiquei doido para estar presente, afinal esperávamos demais por esse dia", disse.

Beatificação

Entre os fiéis, a carta de reconciliação enviada pela Santa Sé só aumentou o desejo de que seja aberto um processo de beatificação de padre Cícero.

Para o bispo da diocese do Crato, dom Fernando Panico, não é hora de pensar nisso. "Com a reconciliação não há mais nenhum impeditivo para um processo de beatificação e, posteriormente, canonização. Mas isso só acontecerá com o tempo, agora não", disse o bispo.


Sobre Luiz Vasconcelos

0 comentários :

Postar um comentário

Tecnologia do Blogger.