CIDADE

Presidente da Câmara de Iguatu suspende sessões e deixa de votar projeto de permuta de terrenos

O presidente da Câmara Municipal de Iguatu, Rubenildo Cadeira, emitiu nota na manhã de hoje suspendendo as sessões ordinárias programadas para acontecer nesta terça-feira (16) e na quinta-feira (18). 

O parlamentar argumenta no comunicado que a suspensão dos trabalhos nas referidas datas se dá em razão à complexidade na análise do projeto de nº 04/2016, que trata da permuta de terrenos públicos com particulares, além do clima de acirramento político e animosidade por parte das famílias interessadas no projeto. 

Entenda

Em meados de agosto do ano passado, centenas de famílias, alegando não ter onde morar, invadiram diversos terrenos públicos na periferia de Iguatu. O longo período de negociações entre a Prefeitura de Iguatu e a comissão que representa o movimento do sem tetos, culminou na elaboração de um projeto de lei que pede autorização ao Poder Legislativo para que seja feita uma permuta de terrenos públicos entre a Prefeitura de Iguatu e particulares.

O projeto chegou a ser lido na sessão plenária do dia 04 deste mês, no entanto não foi votado. Desde então o clima de pressão popular e político tem alimentado as discussões na imprensa local. Alguns vereadores da bancada de oposição ocuparam emissoras de rádio para justificarem suas posições contrárias à votação do projeto. A bancada de situação diz que quer votar o projeto.


Sobre Luiz Vasconcelos

0 comentários :

Postar um comentário

Tecnologia do Blogger.