CIDADE

População vai às ruas exigir do Estado recursos para custeio do Hospital Regional de Iguatu


Manhã de manifestação na cidade de Iguatu, no Centro Sul do Estado. Centenas de pessoas foram às ruas para reivindicar do Governo do Estado aumento de recursos para a saúde da região. A concentração aconteceu na Praça da Matriz, nesta sexta-feira (18), às 8h, e em seguida a caminhada seguiu por diversas ruas do centro da cidade. Participaram do evento o prefeito de Iguatu, Aderilo Alcântara, o deputado estadual Agenor Neto, vereadores, lideranças comunitárias, estudantes, professores e sociedade civil organizada.

O prefeito de Iguatu, Aderilo Alcântara disse que a população da região Centro Sul foi abandonada pelo Governo do Estado. Ele disse que o Hospital Regional de Iguatu, unidade polo que atende a mais de dez municípios, está passando por sérias dificuldades por conta da escassez de recursos. “A situação é muito grave. Estamos com a estrutura de uma UTI Neonatal pronta e não podemos inaugurar porque o secretário de Saúde do Estado disse que não tem recursos para custeio”, disse.

O deputado Agenor Neto cobrou isonomia na distribuição dos recursos para os hospitais polos do Ceará. "Para o Hospital Regional de Sobral o Governo investe mais de R$ 140 milhões ao ano e para o Hospital de Iguatu apenas R$ 4 milhões". Para Agenor Neto, é lamentável que muitas pessoas estejam morrendo nos leitos dos hospitais do interior porque a Secretaria da Saúde do Estado não autoriza uma simples transferência para Fortaleza. "É um descaso, as pessoas estão morrendo e o governo não faz nada", disse.



Sobre Luiz Vasconcelos

0 comentários :

Postar um comentário

Tecnologia do Blogger.