CIDADE

Estudantes da cidade de Iguatu realizam protesto em apoio aos professores do estado


Estudantes da rede pública estadual de ensino de Iguatu fizeram uma manifestação na manhã deste sábado (23), em apoio aos professores, que decretaram greve geral para a próxima segunda-feira (25). A caminhada percorreu diversas ruas do centro da cidade, finalizando na Praça Demóstenes de Carvalho (Praça da Caixa). Os manifestantes carregavam cartazes e faixas pedindo investimentos na educação e melhoria salarial para os professores.

A estudante Gabriela, do 1º ano do ensino médio da Escola Antônio Albuquerque, reclamou da falta de estrutura física e da falta de equipamentos da unidade de ensino, que este ano passou a funcionar em tempo integral. "Estamos aqui para reivindicar do Governo do Estado melhores condições de ensino  e uma maior valorização para os nossos professores", disse.

A professora Leonara Bezerra, da escola Dr. José Gondim (Liceu), acompanhou a manifestação e elogiou a atitude dos alunos, que de forma espontânea resolveram se mobilizar pelas redes sociais para abraçar a causa da categoria. "A educação passa por um momento muito difícil. Muitas escolas estão com estruturas precárias, além da questão do nosso reajuste salarial, que até agora o governador Camilo Santana não definiu", lamentou.

Participaram do movimento alunos e professores das escolas Antônio Albuquerque de Souza, Dr. José Gondim (Liceu), Lucas Emanuel, Filgueiras Lima e Amélia Figueiredo de Lavor. 

A greve dos professores estaduais foi decretada na última quarta-feira (20), durante assembleia. A categoria pede reajuste de 12,67%, além da convocação dos professores reclassificados no concurso de 2013, efetivação dos direitos de estabilidade, implantação do PCCR e ampliação definitiva da carga horária.






Sobre Luiz Vasconcelos

0 comentários :

Postar um comentário

Tecnologia do Blogger.