REGIONAL

Tasso condena “espetáculo de fisiologismo explícito” e defende a discussão de um novo caminho para o País



O senador Tasso Jereissati (PSDB-CE) condenou, durante aparte ao senador Romero Jucá (PMDB-RR) o “espetáculo de fisiologismo explícito” contra a classe política brasileira que, em sua opinião, determina de forma definitiva o fim do atual governo.

Para o Senador, a credibilidade do governo foi destruída pela corrupção e pela ineficiência no comando da máquina pública, o que deixa a Presidente sem condições de apontar novos rumos para o país. Tasso defendeu o papel do parlamento, cobrando a discussão de novos caminhos para o enfrentamento da crise.

“Se o Governo não tem condições de apontar um novo rumo, cabe a nós, políticos, a obrigação de apontar um novo caminho para o Brasil”.



Sobre Luiz Vasconcelos

0 comentários :

Postar um comentário

Tecnologia do Blogger.