DESTAQUE

Governador Camilo manda base aliada votar contra requerimento da saúde

Agenor Neto solicitou ao governo do Estado a liberação dos recursos do PCF para ajudar no custeio da saúde do CE
O plenário da Assembleia Legislativa foi mais uma vez palco de debates entre os deputados da base aliada e deputados da oposição, durante a sessão plenária na última quinta-feira (19). As discussões tiveram início depois que o deputado Agenor Neto (PMDB) apresentou requerimento de Nº 1214/2016, solicitando envio de ofício à Secretaria de Relações Institucionais do Governo do Estado, pedindo urgência na liberação das emendas de todos os parlamentares da casa, que tratam sobre a destinação de recursos para a área da saúde no Ceará, por meio do Pacto de Cooperação federativa (PCF).

Agenor Neto usou a tribuna para pedir o apoio dos colegas na aprovação do documento, uma vez que iria beneficiar todos os parlamentares da casa. "Esse meu requerimento vai ficar marcado na história dessa casa se qualquer deputado votar contra, porque ele estará votando contra a própria emenda, sendo contra que o Estado priorize os recursos para a saúde do Ceará", disse. Agenor Neto esclareceu que esses recursos são emendas ainda do ano passado, no entanto nada foi liberado pelo governo. 

Em defesa pela aprovação do requerimento falaram os deputados Leonardo Araújo (PMDB), Roberto Mesquita (PSD) e Ely Aguiar. O deputado Heitor Férrer (PSB) fez um pronunciamento em defesa da liberação dos recursos, e disse que o requerimento de Agenor Neto simbolizava a voz de todos os parlamentares da casa. "Esse requerimento vai beneficiar, inclusive, os parlamentares da base aliada, que não conseguem a liberação desses recursos, que como a própria matéria diz, é para melhorar as condições de vida do povo do Ceará", pontuou.

Depois de ir a plenário, com encaminhamento pelo voto contrário a aprovação pelo deputado e vice-líder do governo, Leonardo Pinheiro (PP), o requerimento foi derrotado pelo placar de 19 votos a oito.


Sobre Luiz Vasconcelos

0 comentários :

Postar um comentário

Tecnologia do Blogger.