DESTAQUE

Governo adota censura e proíbe peritos de darem entrevistas sobre investigações criminais

Uma portaria publicada no Diário Oficial do Estado (DOE), proíbe peritos criminais cearenses a darem entrevistas à Imprensa sobre seus trabalhos na investigação de qualquer tipo de crime. A medida classifica a violação da portaria como de natureza grave. É mais uma manobra da Segurança Pública para não dar visibilidade a onda crescente de violência no Ceará.

A medida está assinada pela perita-geral em exercício na Perícia Forense do Estado do Ceará (Pefoce), Adriana de Moraes Correia, e passou a ter validade desde o último dia 24 de maio, fato que causou revolta na classe, que entrou em estado de grave por questões salariais.

A retaliação da direção da Pefoce segue uma orientação já determinada pelo Governo do Estado em relação também à divulgação e comentários sobre os índices da criminalidade do Estado. Por determinação de Camilo Santana, nem mesmo o secretário da Segurança Pública, Delci Teixeira, nem os gestores  das polícias Civil e Militar podem comentar o crescimento de vários tipos de crimes e da violência em geral no Estado, tais como assaltos a bancos e carros-fortes, homicídios, assassinatos de policiais e de mulheres, crimes de pistolagem e ataques a coletivos, delegacias e unidades da PM determinados pelas facções criminosas de dentro dos presídios.

Desautoriza

A portaria da Pefoce é extensa e impede que os peritos façam qualquer comentário público sobre seus trabalhos. UM dos trechos da medida publicada no DOE diz: “Informações que dizem respeito a infrações penais e suas respectivas perícias, ainda que estejam em processo de realização, por serem estas partes integrantes da investigação criminal, sejam prestadas pelas autoridades policiais”.

E diz mais: “Resolve: sob pena de responsabilidade, desautorizar quaisquer servidores e terceirizados divulgar, sob qualquer pretexto, sem o prévio conhecimento e a devida autorização do perito geral, qualquer informação que diga respeito a infrações penais e suas respectivas perícias, ainda que estejam em processo de realização.”

(Cearánews7)

Sobre Luiz Vasconcelos

0 comentários :

Postar um comentário

Tecnologia do Blogger.