POLITICA

Temer diz que declaração de Sérgio Machado é leviana e mentirosa


Em depoimento de delação premiada, o ex-presidente da Transpetro Sérgio Machado afirmou que recebeu pedido de propina do presidente interino Michel Temer para financiar a campanha de Gabriel Chalita à prefeitura de São Paulo, em 2012.

O pagamento de R$ 1,5 milhão teria saído dos cofres da empreiteira Queiroz Galvão, investigada na Operação Lava Jato. Nesta quinta-feira, Temer se prenunciou a respeito das declarações feitas por Machado e classificou a delação como leviana, mentirosa e criminosa.


Sobre Luiz Vasconcelos

0 comentários :

Postar um comentário

Tecnologia do Blogger.