CIDADE

Plenário da Câmara de Iguatu rejeita proposta e salário de vereadores será de R$ 9.990,00

O plenário da Câmara de Vereadores de Iguatu rejeitou, durante sessão extraordinária realizada na tarde desta terça-feira (18/10) proposta que revogava o aumento no subsídio dos vereadores. A proposta inicial, votada em 28 de setembro deste ano, aumentava o valor do subsídio, passando de R$ 4.955,00 para R$ 9.990,00. 

O fato ganhou repercussão nas redes sociais e na sociedade iguatuense. Na sessão plenária da última quinta-feira (13) a população foi à Câmara Municipal para protestar contra o aumento. Houve tumulto e muita gritaria, e a sessão acabou sendo encerrada após 10 minutos do seu início. 

O presidente da Câmara, Rubenildo Cadeira (PRB) chegou a ocupar programas de emissoras de rádio para explicar o aumento e chegou a afirmar que a proposta seria revogada durante votação nesta terça-feira, o que de fato não aconteceu. 

Por 7 votos a 3 a proposta a favor da queda do reajuste foi rejeitada pelo plenário. A partir de janeiro de 2017 cada vereador passará a ter um salário de quase 10 mil reais.


Sobre Luiz Vasconcelos

0 comentários :

Postar um comentário

Tecnologia do Blogger.