CIDADE

Sindicato dos Servidores de Iguatu entra com denúncia junto ao MP por descaso na lotação de professores

O Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Iguatu (SPUMI), por meio da presidente Maria de Fátima Siqueira Lopes, entrou com reclamação junto ao Ministério Público de Iguatu, para que o órgão atue junto à Secretaria Municipal da Educação, no tocante à falta de lotação de professores da rede municipal de ensino público..

No documento, a representante do sindicato argumenta que recebeu denúncias advindas dos educadores, alguns concursados desde 1997, outros de concursos posteriores, alegando que ainda não foram lotados para assumirem salas de aula, o que tem se constituído em objeto de constante inquietação, já que se avizinha o início do ano letivo de 2017.

O documento também denuncia que a atual secretária municipal da Educação de Iguatu, Elizangela Medeiros,  não vem dando a merecida atenção a esses educadores, que estão buscando apenas um direito que lhes é peculiar de exercer a profissão.

Sobre Luiz Vasconcelos

0 comentários :

Postar um comentário

Tecnologia do Blogger.