CIDADE

Vereadores entram com denúncia junto ao Ministério Público para conter 'farra de contratações' na Prefeitura de Iguatu


Os vereadores da bancada de oposição na Câmara de Iguatu, Lindovan Oliveira (PSD), Antônio Baixinho (PSB), Edson Adriano (SD) e Louro da Barra (PMDB) enviaram ofício ao Ministério Público Estadual, Comarca de Iguatu, solicitando providências urgentes em relação à farra na contratação de mais de 1.000 servidores temporários pela Prefeitura de Iguatu, na gestão do atual prefeito Ednaldo Lavor.

No documento, além de solicitar a realização de concurso público, os parlamentares também pedem que a promotoria intervenha, junto ao poder público municipal, para evitar que o prefeito Ednaldo Lavor se abstenha de realizar novas contratações temporárias, além daquelas necessárias ao atendimento da necessidade transitória, para que não recaia o município, em desobediência ao que impõe a Lei de Responsabilidade Fiscal. 

"Nós vereadores de Iguatu, integrantes da bancada de oposição com assento na Câmara Municipal, signatários desse documento, no cumprimento do dever de fiscalizar e zelar pelo erário, cumpre-nos solicitar ao Ministério Público que tome as providências cabíveis", diz o documento.


Por: Luiz Vasconcelos
Jornalista: MTB 003715/CE

Sobre Luiz Vasconcelos

0 comentários :

Postar um comentário

Tecnologia do Blogger.