POLICIAL

Ceará registra 3.696 assassinatos de janeiro a setembro, aponta relatório

Em setembro de 2017 a RMF registrou 173 crimes dessa natureza, o Interior Norte
registrou 75 e o Interior Sul registrou 89 ( Foto: arquivo )
O Ceará registrou 3.696 Crimes Violentos Leitas e Intencionais (CVLIs) – homicídios e latrocínios - de janeiro a setembro deste ano. O número divulgado pela Secretaria Pública de Segurança e Defesa Social (SSPDS) nesta sexta-feira (6) representa um aumento de 47,2% desse tipo de crime em relação ao mesmo período do ano passado, quando foram registrados 2.511 assassinatos em território cearense.

No acumulado, até setembro deste ano foram registrados 1.432 assassinatos em Fortaleza, que foi a área responsável, mais uma vez, por puxar os dados negativos. Na comparação com os mesmos 9 primeiros meses de 2016, a Capital sofreu um aumento de 92%, isto é, teve 984 CVLIs. Conforme os dados da SSPDS, nenhuma área registrou decréscimo. na Região Metropolitana de Fortaleza (RMF) foram contabilizadas 924 mortes, no Interior Norte foram 615 e no Interior Sul foram 725.

Mais aumento

Comparando apenas o mês de setembro de 2016 e 2017, houve uma variação de 107,7% no número de Crimes Violentos Leitas e Intencionais no Estado. Enquanto o ano passado o Ceará teve 222 mortes nesse período, este ano 461 pessoas morreram por assassinato ou latrocínio no estado.
Apenas em Fortaleza, o aumento desse tipo de crime chegou a 203,5%. Em setembro do ano passado foram 746 mortes. Já neste ano, no mesmo período, o número subiu para 1.432.

Sobre Luiz Vasconcelos

0 comentários :

Postar um comentário

Tecnologia do Blogger.