POLITICA

‘Não fiz nada errado’, diz Flávio Bolsonaro sobre movimentação milionária de ex-assessor


O deputado estadual e senador eleito Flávio Bolsonaro (PSL-RJ)publicou nesta quinta-feira (13), nas redes sociais, uma mensagem na qual afirma que não fez “nada de errado” no caso do ex-assessor citado em um relatório do Conselho de Controle Atividades Financeiras (Coaf) por movimentações bancárias de R$ 1,2 milhão consideradas suspeitas.

O nome de Fabrício José Carlos de Queiroz, ex-assessor do filho do presidente eleito Jair Bolsonaro, aparece no relatório que integrou a investigação da Operação Furna da Onça, desdobramento da Lava Jato no Rio de Janeiro que prendeu dez deputados estaduais no início de dezembro.

Flávio negou em suas contas no Facebook e no Instagram que tenha cometido qualquer irregularidade. Queiroz trabalhou no gabinete dele na Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro (Alerj). É a primeira vez que o parlamentar do PSL se manifesta publicamente sobre o caso.

Não fiz nada de errado, sou o maior interessado em que tudo se esclareça pra ontem, mas não posso me pronunciar sobre algo que não sei o que é, envolvendo meu ex-assessor, escreveu o senador eleito nas redes sociais.

Na internet, Flávio Bolsonaro também disse que está “angustiado”, querendo que tu se esclareça logo e “não paire mais nenhuma dúvida” sobre a idoneidade dele.

Garanto a todos que não dei e nunca darei motivos para isso. Não vou decepcionar ninguém, confiem em mim. Se Deus quiser, tudo será esclarecido em breve, declarou o filho do presidente eleito.

Sobre Luiz Vasconcelos

0 comentários :

Postar um comentário

Tecnologia do Blogger.