POLITICA

Gilmar Mendes é investigado pela Receita por "possíveis fraudes de corrupção"


A Receita Federal abriu procedimento para investigar "possíveis fraudes de corrupção, lavagem de dinheiro, ocultação de patrimônio ou tráfico de influência" envolvendo o ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Gilmar Mendes.

A análise fiscal é conduzida pela Equipe Especial de Fraudes da Receita e alcança também a mulher de Gilmar Mendes , a advogada Guiomar Mendes. A informação foi divulgada nesta sexta-feira (8) pela coluna Radar, da revista Veja .

Segundo a publicação, o procedimento teve início após um relatório de maio do ano passado apontar variação, no ano de 2015, de R$ 696 mil no patrimônio de Guiomar sem que houvesse explicação para tanto. Esse relatório concluiu que havia ali "indícios de lavagem de dinheiro".

O ministro Gilmar Mendes se manifestou sobre o assunto e disse que a Receita Federal não pode ser convertida numa Gestapo, em referência à polícia do regime nazista que investigava e torturava opositores ao regime de Adolf Hitler. O ministro vê quebra de sigilo e uso político do órgão na apuração sobre possível lavagem de dinheiro e ocultação de patrimônio e estuda processar os auditores fiscais responsáveis pela investigação. “Agora, se eles fazem isso com ministro do STF, o que não estarão fazendo com o cidadão comum?”, indagou.

Sobre Luiz Vasconcelos

0 comentários :

Postar um comentário

Tecnologia do Blogger.