REGIONAL

Governo do Estado prorroga decreto de emergência que restringe abertura do comércio


O governador do Estado, Camilo Santana usou suas redes sociais, neste sábado (28), para confirmar a prorrogação do decreto de emergência por mais sete dias. Nesse período, a população cearense seguirá em isolamento social e algumas empresas continuarão com suas portas fechadas.

Antes de tomar a decisão, o governador informou que esteve reunido com o comitê dos três poderes (Justiça, Legislativo e a Prefeitura de Fortaleza), além de representantes das áreas econômicas, social e de saúde do Estado.

Camilo ressaltou que todas as atividades que são essenciais à vida da população permanecem funcionando, desde a indústria até a comercialização. Ele destacou benefícios que já concedeu às empresas durante os dias de portas fechadas, como a prorrogação de prazos e suspensão de procedimentos fiscais por 60 dias.

O aumento dos casos de Covid-19 em países como o Reino Unido, Itália e Espanha também foram citados pelo governador ao tomar a decisão de prorrogar o decreto de estado de emergência por mais uma semana. Ao justificar a medida, ele afirmou que o isolamento social, no momento, é a principal estratégia para conter a contaminação pelo novo coronavírus no Ceará.


Sobre Luiz Vasconcelos

0 comentários :

Postar um comentário

Tecnologia do Blogger.