NACIONAL

STF autoriza medidas restritivas para quem não se vacinar contra Covid-19


O Supremo Tribunal federal autorizou, nesta quinta-feira (17) a aplicação de medidas restritivas para quem se recusar a tomar a vacina contra a Covid-19. Os ministros ainda vão definir quais medidas restritivas serão aplicadas a quem não se imunizar.

No entendimento da Corte, a vacinação obrigatória não é vacinação forçada. Eles entenderam que medidas restritivas são necessárias porque a saúde coletiva não pode ser prejudicada por decisão individual.

Tomar a vacina ou não tem sido pauta nas redes sociais. Parte dos internautas concordam em tomar o imunizante, outros não.


Sobre Luiz Vasconcelos

0 comentários :

Postar um comentário

Tecnologia do Blogger.