POLITICA

Governador anuncia na AL proposta de reajuste dos servidores estaduais

Os servidores do Estado que recebem o salário mínimo vão ter um reajuste de 6,29%, que é o percentual da inflação. Para os demais servidores, o reajuste ficará em 2%. O anúncio foi feito na tarde desta quinta-feira (02/02) pelo governador Camilo Santana, durante entrevista após a sessão de instalação dos trabalhos da Assembleia Legislativa. De acordo com o governador, o reajuste foi concedido dentro das limitações da Lei de Responsabilidade Fiscal.

Camilo Santana afirmou que o Estado deve contratar neste ano 1.400 novos policiais militares. Ele lembrou ainda que iniciou, no final do ano passado, o pagamento do novo plano de cargos e carreiras da Polícia Civil e que, em 2017,  também ingressarão no Estado novos concursados das universidades e da Polícia Civil. "Tudo isso tem que ser contabilizado. Tem ainda a previsão de aumento do déficit da previdência esse ano", ressaltou.

O governador disse que algumas categorias, como os militares, terão aumentos que vão chegar a quase 50% com a nova média salarial do Nordeste. Segundo ele, são categorias que estão com os salários defasados, e há distorções que estão sendo corrigidas.

Camilo Santana pediu a compreensão dos servidores e explicou que nenhum estado do País está dando revisão de salário nem aumento. "Nós estamos fazendo um esforço dentro da limitação do Estado e do que é possível", destacou. 

O governador informou que vai continuar mantendo diálogo com algumas categorias. "Não posso ser irresponsável de dar qualquer aumento maior, com o risco de comprometer as finanças do Estado, de comprometer os serviços à população cearense, num momento de tantas incertezas no atual cenário econômico que o Brasil atravessa", completou.

Camilo Santana destacou que o aumento será dado retroativo a 1º de janeiro deste ano.


Sobre Luiz Vasconcelos

0 comentários :

Postar um comentário

Tecnologia do Blogger.