POLITICA

Governo Federal quer adiar reajuste a servidor


O governo vai brigar para manter o adiamento do reajuste dos servidores e aposta numa decisão de mérito do Supremo Tribunal Federal (STF), disse ontem, o ministro do Planejamento, Dyogo Oliveira. 

Na visão dele, mesmo que haja uma liminar garantindo a concessão do reajuste no início de 2018, é possível reverter os aumentos caso o plenário da corte derrube a liminar e avalie que a postergação dos reajustes para o início de 2019 é válida. 

Até o julgamento, ele assegurou que o governo vai "cumprir fielmente" a decisão do ministro Lewandowski, fazendo o pagamento dos valores. "Agora, vamos entrar com recurso e, se tiver decisão favorável, o que vale é o mérito", reafirmou Oliveira.



Sobre Luiz Vasconcelos

0 comentários :

Postar um comentário

Tecnologia do Blogger.