NACIONAL

Mortalidade Infantil volta a crescer no Brasil após 26 anos


O índice de mortalidade infantil no Brasil voltou a crescer após 26 anos em redução. Os dados de 2016, revelados só agora, apontam crescimento de 5% e, de acordo com especialistas, a tendência é que os números de 2017 também sejam maiores.

Em 2016 a taxa foi de 14 mortes para cada 1000 nascimentos. As principais causas de mortes infantis são prematuridade, malformações, asfixia e infecções. Mais da metade dos óbitos acontece na 1ª semana de vida. Além do vírus da zika, outras causas do aumento da mortalidade são evitáveis, como a diarreia, que teve aumento de 12% entre 2015 e 2016 na morte de crianças menores de 5 anos.

Das regiões do país, Centro Oeste, Norte e Nordeste foram as regiões com maiores altas gerais, sendo 48%, 25% e 8%, respectivamente. Respondem juntas por 74% das mortes. Os dados também mostram que 20 estados tiveram alta na mortalidade infantil em 2016.

Sobre Luiz Vasconcelos

0 comentários :

Postar um comentário

Tecnologia do Blogger.