REGIONAL

Missão Velha: Ex-prefeito é investigado por desvio de R$ 7 milhões e está foragido


O Ministério Público do Estado do Ceará (MPCE) deflagrou operação de combate à corrupção na cidade de Missão Velha, no Sul do Ceará, na manhã desta terça-feira (12), com mandados de prisão contra um ex-prefeito e duas mulheres. O ex-prefeito Tardiny Pinheiro Roberto e uma ex-secretária estão foragidos. 

As investigações apontam para um desvio de mais de R$ 7 milhões dos cofres da prefeitura de Missão Velha. Os recursos foram transferidos da conta da prefeitura para uma empresa de assessoria e digitação, supostamente de forma irregular, configurando indício de desvio de dinheiro público.

O ex-prefeito Tardiny Pinheiro Roberto e uma das ex-secretárias foram procurados nas respectivas residências e no consultório odontológico que o ex-gestor mantém na cidade, porém, não foram localizados e são considerados foragidos.

O outro mandado foi cumprido com a prisão temporária de uma sócia do ex-prefeito que teria recebido irregularmente mais de R$ 60 mil no suposto esquema investigado. Também há um mandado de prisão direcionado a um empresário cujo endereço ainda está sendo localizado.

Durante a operação, agentes do MPCE e Polícia Civil foram à residência do ex-prefeito, mas ele não foi localizado. Também foram cumpridos mandados de busca e apreensão na sede da prefeitura. Os investigadores apreenderam documentos que podem ajudar no andamento da investigação.


Sobre Luiz Vasconcelos

0 comentários :

Postar um comentário

Tecnologia do Blogger.