CIDADE

Câmara de Iguatu realiza sessão solene para homenagear os 44 anos da Sociedade Espírita Iguatuense


A Câmara de Vereadores de Iguatu realizou, nesta terça-feira (5), sessão solene em homenagem aos 44 anos de existência da Sociedade Espírita Iguatuense. A entrega da comenda foi proposta pelo vereador Lindovan da Silva Oliveira.

A entidade foi a primeira formalizada em Iguatu. Sua sede fica localizada na Rua Professor Coelho, próximo a estação de tratamento do SAAE.

A solenidade contou com a presença do fundador da entidade, José Gomes da Silva, mais conhecido por seu Dedé, que recebeu a comenda em reconhecimento ao trabalho da entidade. Ele destacou que no início enfrentou alguns obstáculos, no entanto, a perseverança e o trabalho fez com que a Sociedade Espírita pudesse estar hoje comemorando seus 44 anos. "Jamais imaginei de estar aqui hoje recebendo essa homenagem, mas, através da luta, nos encorajamos, e realmente estamos hoje aqui, nos sentindo muito honrados recebendo essa homenagem", disse.

O vereador Lindovan Oliveira destacou a homenagem como um momento único, diante de uma entidade religiosa que presta relevantes serviços à sociedade iguatuense. "Estamos muito felizes hoje por estarmos homenageando essa importante entidade, que ao longo de seus 44 anos construiu uma história de relevantes trabalhos", destacou.

A doutrina espírita surgiu na França em meados do século XIX, pelo médium Alan Cardec. Em Iguatu, o centro espírita foi fundado em agosto de 1975. Éder Batista, membro da Sociedade Espírita Iguatuense, esteve presente ao evento e destacou a importância da entidade. "É uma instituição que trabalha as questões filosóficas, de estudo e caridade. E essa grandeza fez com que estivéssemos aqui hoje sendo homenageados pela Câmara Municipal”, disse.

Célia Freitas, secretária da instituição, também esteve presente, e destacou o trabalho da doutrina espírita no município de Iguatu, nas questões relacionadas ao espiritismo, nos trabalhos de cura e desobsessão. "O espiritismo hoje ganha muito espaço como a doutrina consoladora, que vem, acima de tudo, para nossa evolução individual", pontuou.





Sobre Luiz Vasconcelos

0 comentários :

Postar um comentário

Tecnologia do Blogger.