POLITICA

Governo vai divulgar lista de quem recebeu auxílio emergencial e já identificou mais de 160 mil fraudes


A Controladoria-Geral da União (CGU) informou nesta terça-feira (26) que nos próximos dias vai divulgar a lista com os cerca de 53 milhões de cadastrados para receber o auxílio emergencial de R$ 600 por causa da pandemia de coronavírus. 

Segundo o ministro da CGU, Wagner Rosário, já foram identificadas mais de 160 mil fraudes no programa. Os números ainda não estão consolidados, mas ele afirmou, por exemplo, que há 74 mil sócios de empresas com empregados cadastrados e que recebem a ajuda do governo.

Já foram identificadas 86 mil pessoas que doaram, como pessoa física, mais de R$ 10 mil a campanhas políticas. Na lista da irregularidades existem também beneficiários que são presidiários, proprietários de veículos que custam acima de R$ 60 mil, donos de embarcações e pessoas que têm domicílio fiscal no exterior.

O governo autorizou nesta terça-feira a liberação de mais R$ 28,7 bilhões para bancar o auxílio emergencial de R$ 600. Com o novo repasse, o custo do programa já alcança R$ 152,6 bilhões.
O número de beneficiados é o triplo da projeção inicial apresentada pelo governo.


Sobre Luiz Vasconcelos

0 comentários :

Postar um comentário

Tecnologia do Blogger.