REGIONAL

Justiça cancela sessão que decidiria sobre cassação do prefeito de Granjeiro


Foi suspensa por decisão liminar do juiz Judson Pereira Spindola Júnior, da Comarca de Caririaçu, a sessão legislativa desta quarta-feira (20) que votaria cassação do prefeito de Granjeiro, Ticiano Tomé.

Juntamente com o pai, Vicente Félix, o gestor é um dos principais suspeitos de envolvimento na morte do seu antecessor, o ex-prefeito João do Povo, de quem ele era vice.

Na cidade, a população já dava como certa a cassação de Ticiano. O plenário da Câmara de Granjeiro é composto de nove parlamentares e seis deles compõe o bloco de oposição ao prefeito.

Após a decisão da Justiça, que beneficiou o gestor, ambulâncias do município circularam na cidade com as sirenes ligadas. Correligionários do prefeito também comemoraram a decisão com fogos de artifício.

Com a cassação do atual gestor, quem assumiria a Prefeitura seria o presidente da Câmara, Marcio Pereira. Ele disse que vai recorrer da decisão judicial.


Sobre Luiz Vasconcelos

0 comentários :

Postar um comentário

Tecnologia do Blogger.