POLICIAL

Sargento da Polícia Militar é assassinado em Russas após pedir para criminosos baixarem volume de som


Um sargento da Polícia militar foi morto a tiros na noite de sábado (7), após pedir para três homens baixarem o volume do som de um veículo na cidade de Russas. O crime foi flagrado por circuito de videomonitoramento.

O policial, identificado por Carlos Eduardo de Santiago Ribeiro, de 40 anos, estava em um estabelecimento comercial, quando três homens ligaram o som de um carro e aumentaram o volume. O policial foi até eles e pediu que desligassem o som. O trio se retirou do local.

Minutos depois, segundo testemunhas, dois homens chegaram ao estabelecimento em uma motocicleta e um deles, armado, efetuou diversos disparos contra o policial, que morreu no local.

Logo após o crime, a polícia iniciou uma série de investigações e neste domingo (8), conseguiu prender dois suspeitos. Os dois já tem passagens pela polícia.

A Secretaria da Segurança Pública lamentou em nota a morte do PM e se solidarizou com os familiares. Carlos Eduardo era 2º sargento e  ingressou na Polícia militar em 4 de agosto de 2003. 

Sobre Luiz Vasconcelos

0 comentários :

Postar um comentário

Tecnologia do Blogger.