Eunício ensaia retorno para os braços da oposição


Pressionado pelo tempo e pela resistência encontrada juntos aos pedetistas, o senador Eunício Oliveira (MDB) já ensaia uma reaproximação do grupo de oposição. A intenção foi apresentada ao grupo na última reunião, na quinta-feira, 19, pelo deputado federal Genecias Noronha (Solidariedade).

Entre olhares desconcertados, os participantes da reunião não chegaram a rechaçar a proposta. Porém, já fora da reunião, constrangidos, alguns dos opositores reconhecem a dificuldade de reatar a antiga aliança, principalmente se o MDB quiser brigar pelas vagas majoritárias do Senado.

Apesar disso, uma reunião deve ser realizada ainda esta semana. “Não custa nada ouvir”, confidencia um dos opositores.

Focus apurou que a situação do presidente do Senado está ficando desconfortável. No lado que optou, há resistências por parte do PDT e da família Ferreira Gomes, deixando o governador Camilo Santana isolado na articulação com Eunício, mas sem autonomia para decidir a aliança sozinho.

Pelo lado da oposição, as citações da Lava Jato relacionadas ao senador criam uma barreira para a sua volta. Além da dificuldade em acolher sua candidatura na chapa majoritária, ficou um rastro de desconfiança pela maneira como Eunício se jogou nos braços governistas.


Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem

Policial

Facebook