Funceme indica riscos de chuvas abaixo da média no Ceará em 2021


A Fundação Cearense de Meteorologia e Recursos Hídricos (Funceme) divulgou nesta quarta-feira (20), durante reunião virtual, o prognóstico de chuvas para o trimestre - fevereiro, março e abril.

Segundo o órgão, a previsão é que o Ceará apresente chuvas abaixo ou próximo da média neste ano de 2021.

O Secretário de Recursos Hídricos do Estado, Francisco Teixeira, fez um alerta para o prognóstico da Funceme e alertou as regiões para a importância de racionalizar o uso da água nos reservatórios cearenses.

A situação é mais preocupante na região Centro Sul onde ficam os maiores açudes do Ceará, Castanhão e o Orós, onde a previsão é de menos chuvas que nas demais áreas. 

No entanto, as Regiões Norte e Ibiapaba a probabilidade é de chuvas acima da média histórica. Eduardo Sávio Martins, presidente da Funceme, explicou durante o anúncio que apesar do quadro de La Niña no Pacífico, que favoreceriam as precipitações, as chuvas são influenciadas pela temperatura nas águas do Oceano Atlântico.

Conforme dados do Portal Hidrológico do Ceará, o Açude Orós tem atualmente 392 milhões de metros cúbicos de água, um percentual de 20,2% da sua capacidade. Já o açude Trussu, em Iguatu, tem uma reserva de água em torno de 51 milhões de metros cúbicos, 19% da sua capacidade.

Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem

Policial

Facebook