Reajustes no plano de saúde voltam a ser cobrados em 2021


As seguradoras dos planos de saúde começarão a cobrar em janeiro os reajustes de valores de 2020, suspensos em virtude da pandemia do novo coronavírus, para aproximadamente 20 milhões de usuários. Os custos retroativos serão somados com o aumento de 2021.

O índice máximo, autorizado pela Agência Nacional de Saúde Complementar é de 8,14% e deverá ser recomposto em 12 parcelas, mediante informação descritiva nos boletos de cobrança. 

O percentual refere-se a maio de 2020 a abril de 2021 e engloba a variação de despesas assistenciais entre 2018 e 2019, período anterior à pandemia. A expectativa é que para 2021 haja uma variação para baixo, já que houve redução no número de atendimentos, como cancelamento de consultas, cirurgias eletivas e exames não emergenciais.


Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem

Policial

Facebook