Governo prorroga auxílio emergencial por mais três meses


O presidente Jair Bolsonaro assinou nesta segunda-feira (5) a prorrogação, por mais três meses, do auxílio emergencial. Com o decreto, o benefício será pago até outubro. A Presidência da República não informou qual será o valor do benefício durante esse período.

A previsão, entretanto,  é que os valores sejam mantidos. Ao todo, 39 milhões de famílias devem ser beneficiadas.

Para custear os gastos com a prorrogação do auxílio, o governo abriu um crédito extraordinário a favor do Ministério da Cidadania. A medida provisória que criou o auxílio já previa a prorrogação desde que observada a disponibilidade orçamentária e financeira.

O valor do crédito extraordinário gira em torno de R$ 20 bilhões, valor não sujeito ao teto de gastos. 

Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem

Policial

Facebook