POLITICA

Aprovado projeto do deputado Agenor Neto que torna obrigatória distribuição gratuita a gestantes de repelentes contra Aedes Aegypti


O governo do Estado terá de oferecer às gestantes, de graça, repelente com eficácia comprovada contra o mosquito Aedes Aegypti. É o que estabelece o Projeto nº 042/2016, de autoria do deputado estadual Agenor Neto (PMDB), aprovado pelo Plenário da Assembleia Legislativa (AL/CE). 

A proposta visa beneficiar as gestantes carentes, assim consideradas, cuja renda familiar não ultrapasse três salários mínimos mensais. 

Segundo a justificativa do autor da proposta, é alta a probabilidade de o vírus Zika ser causador de grande parte dos casos de microcefalia no Estado. O parlamentar argumenta ainda que o aumento da incidência da doença gerou grande procura por repelentes nas farmácias do país, o que causou a elevação de preço do produto.

Para o deputado Agenor Neto a distribuição gratuita de repelentes à gestante é medida necessária para proteger o bebê de uma possível infecção pelo Zika Vírus. "Essa medida visa proteger o futuro de milhares de crianças, para que tenham direito à vida, à saúde e ao bem-estar", disse o deputado.


Sobre Luiz Vasconcelos

0 comentários :

Postar um comentário

Tecnologia do Blogger.