CIDADE

Chuva em Iguatu em 2017 ficou abaixo da média histórica

Chuva em Iguatu em 2017 ficou abaixo da média histórica. Foto: Luiz Vasconcelos
Durante todo o ano de 2017, choveu em Iguatu 760 milímetros. OS dados foram informados pelo escritório Regional da Ematerce, localizado neste município. Teoricamente a quantidade de chuvas coloca o município no patamar abaixo da média histórica anual, que é de 800mm. Março foi o mês que mais choveu, com 288mm.

Segundo levantamento de órgãos oficiais, por conta das chuvas irregularidades caídas em Iguatu, as perdas nas lavouras, principalmente de milho e de feijão, alcançaram mais de 72%.  

De acordo com Erivaldo Barbosa, gerente  local da Ematerce, o problema mais grave é que as chuvas foram muito espaçadas, com grandes intervalos de dias, provocando o chamado 'veranico', contribuindo assim para perdas no campo. As chuvas também não foram suficientes para acumular água nos reservatórios.

"Se tivesse havido um equilíbrio na quadra chuvosa, com uma boa distribuição das precipitações, a gente teria registrado boa produção e talvez acumulado água nos açudes", disse Erivaldo.


Sobre Luiz Vasconcelos

0 comentários :

Postar um comentário

Tecnologia do Blogger.