NACIONAL

Mais de 37% das obras financiadas pela União estão paralisadas no país


De mais de 38 mil obras financiadas com recursos da União que deveriam estar em andamento no país, 37% estão paralisadas. No total, o governo já investiu, ao menos, R$ 10 bilhões nos 14.403 empreendimentos que não geram retorno à população.

Foram consideradas paralisadas as obras que não tiveram avanço ou apresentaram baixíssima execução nos 3 meses anteriores à fiscalização.

O levantamento foi feito com base nos bancos de dados da Caixa Econômica Federal; do PAC (Programa de Aceleração do Crescimento); do Ministério da Educação; do DNIT e da Funasa.

Segundo o TCU, no caso das obras que integram o PAC, que deveriam ser consideradas prioritárias, cerca de 21% estão paradas. Isso representa que, dos R$ 663 bilhões inicialmente previstos para a realização dos empreendimentos, R$ 127 bilhões estão ligados a obras que não avançaram.

Em termos regionais, o Amapá tem o maior percentual de obras paralisadas em relação ao total de empreendimentos no Estado. Segundo a fiscalização, 51% estão travadas. Em seguida, aparecem Mato Grosso do Sul e Paraíba, ambas com 47% dos investimentos parados. 


Sobre Luiz Vasconcelos

0 comentários :

Postar um comentário

Tecnologia do Blogger.