REGIONAL

Cedro registra o maior número de internações por AVC em 2018


Com uma população estimada em 25.557 habitantes (IBGE/2019), Cedro, na região Centro Sul, foi o município que mais internou pacientes de 40 anos ou mais vítimas de Acidente Vascular Cerebral (AVC), com 75 casos por 10 mil habitantes.

Na segunda colocação aparece o município de Palhano (69 casos) e em seguida, 67 casos, Barbalha, na região do Cariri. Os dados constam no Painel de Indicadores Socioeconômicos, elaborado pela Gerência de Estatística, Geografia e Informação (Gegin) do Instituto de Pesquisa e Estratégia Econômica do Ceará (Ipece).

Desde 2014, o Ceará caracteriza o AVC como uma ocorrência de notificação compulsória. A doença cerebrovascular acontece quando há entupimento ou rompimento dos vasos que levam sangue ao cérebro, provocando paralisia da área cerebral, devido à inadequada circulação sanguínea na região. O AVC pode ser isquêmico - quando uma artéria cerebral é entupida por um coágulo - e hemorrágico - quando há o rompimento de uma artéria cerebral.

Confira a relação dos municípios que em 2018 registraram o maior número de ocorrências por Acidente Vascular Cerebral: Cedro, Palhano, Barbalha, Quixeramobim, Antonina do Norte, Granjeiro, Arneiroz, Juazeiro do Norte, Tauá e Guaramiranga.


Sobre Luiz Vasconcelos

0 comentários :

Postar um comentário

Tecnologia do Blogger.